Siga o Blog, nas redes sociais

domingo, 27 de janeiro de 2013

Toc toc...

Estou cansada desses tipos de homens. Dos homens de bar, os famosos ping-pongs que conversam apenas para marca o set, caso você não jogue na mesma forehand eles vão embora. Daqueles namorados que se tornaram ex por mentiras e ainda se acham espertos. Alô sabedoria avisa pra eles que o instinto animal mandou avisar que não se cai duas vezes na mesma armadilha. Também estou cansada dos paga-pau. Ficam procurando um galhinho nas árvores para depositar seu ninho de meras intenções. Ah, não posso esquecer dos mimados - Estes são os reis das regras - Tudo de acordo com o pensamento deles. Oh filhinho, sou mulher, sou mimada e num agrado nem aos meus pais. Êita quase que esqueço os lixeiros, aqueles que deletam, jogam fora, ameaça e repete mil vezes que não vai mais fazer aquilo, isso, num sei que lá. Engraçado né? Acumulam mais coisas na lixeira. Porque sinceramente isso dá no que mesmo? Se não quer, não quer pronto acabosse. Tem muitos exemplos... 

Bate aqui na minha porta, que está fechada de preocupação.

Dani Leão