Siga o Blog, nas redes sociais

domingo, 13 de janeiro de 2013

Bate papo sobre livros:



Em três anos, Brasil recebe mais de 250 livros de rock
(Fonte: Folha de São Paulo)

Essa semana saiu na Folha uma reportagem sobre a febre das editoras em trazer ao Pais biografias de astros de rock, e a imaginação de alguns autores que engrossam esse filão.

Entre os mais de 90 títulos lançados em 2012 no Brasil --compondo mais de 250 nos últimos três anos-- há bizarrices como "A Biografia Espiritual de George Harrison" e "A Sabedoria dos Beatles nos Negócios"

Nem é preciso entrar no mérito da escolha dos Beatles para inspirar um livro de gerenciamento --logo a banda inglesa, que perdeu milhões ao montar uma gravadora-- para perceber que o exagero corre solto nas livrarias

E já existe uma nova coleção de Biografias lançadas nos Estados Unidos nos dois últimos meses, que esperam futuras edições por aqui no Brasil. São livros sobre Prince e Bruce Springsteen e relatos pessoais de Rod Stewart e Pete Townshend. A autobiografia de Rod Stewart compõe uma leitura cruzada com a de Ron Wood, já que tocaram juntos em duas bandas (Jeff Beck Group e Faces), por oito anos.

Mas as editoras tem espaço para todos. Foi lançado"A Arrasadora Trajetória do Furacão" história do New York Dolls. Quinteto de glitter rock dos anos 1970, os Dolls foram pedra fundamental do punk.

E nem só de veteranos vive o mercado editorial, A boy band inglesa One Direction, fenômeno teen de 2012, tem sete biografias em português e mais 12 títulos no exterior .
Madonna e Lady Gaga, que vieram ao país há pouco, também ganharam livros oportunistas...

O que vocês acham dessa febre?? Eu, particularmente, gosto de biografias, mas acho que as editoras poderiam antes de lançar os livros, fazer uma pesquisa entre os leitores sobre os livros que gostariam que fosse trazido para o Pais, com isso venderiam mais e quem sabe finalmente poderiam diminuir o custo do livro, que cá entre nós, anda bem exagerado...vocês não acham??

Além disso, acho que poderiam investir mais em nossos escritores, lançaram alguns livros de escritores nacionais no ano passado, e foi um sucesso. Alias, aqui na pagina faço questão de ajudar esses novos escritores, tão difícil conseguir lançar seu livro, que sempre que me pedem divulgo aqui na pagina sua obra com o maior prazer (já fica a dica para quem escreveu um livro e quer ajuda na divulgação :)

E vocês, o que acham desse investimento das editoras em livros de biografias de Rock? Concordam ou tem alguma sugestão para as editoras?

*quem quiser ler a reportagem completa, esse é o link:

http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/1213413-em-tres-anos-brasil-recebe-mais-de-250-livros-de-rock.shtml