Siga o Blog, nas redes sociais

sexta-feira, 15 de março de 2013

Destino


Não, ninguém me prende mais
Não, não vou voltar atrás
Vou seguir minha fé
Ninguém poderá me negar

A minha vida é um sonho
Não tenho os pés no chão
Não sei se isso é bom ou mal
Só sei que quero rir e voar

Não, não me faça implorar
Eu já fiz tudo que tinha que fazer
Não ria de mim, não tenha pena, não chore
Eu vou ser feliz, meu amor, só me deixe ir

Não importa as tentativas do passado
Guardo todas lembranças no coração
Não, não vou deixar o vento soprar longe dos meus cabelos
Vou andar de balanço ouvindo essa canção

A minha vida está em branco, uma tela a pintar
Vou começar do zero, tenho tantas letras e cores
Não, não vou deixar isso passar
Meu carma é buscar e buscar

A minha vida é um suvenir, um presente meu amor
Eu fui dar um passeio, não me chame por favor
Varra meus temores, guarde tudo aí, segure as pontas
Eu voltarei sorrindo, todos os dias, quando entrar por esta porta.

Carolina Salcides