Siga o Blog, nas redes sociais

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

DIFERENÇA



Autora: Mônica Ferreira Camargo

Saudades seu nome verdadeiro será amor
Fonte das emoções sentidas e até sonhadas
Aquele que acalentado nunca foi vivenciado
Mas pode nas solitárias horas ser imaginado.

No carinho que sendo expresso foi em quantidade
Deixou-se então perder aos poucos na qualidade
E ao tentar a diferença em sua vida fazer
O atalho que encontrei foi começar esquecer


Consciente desvendei meu direito e avesso
Escondendo fui é certo um coração sentido
A distância não culpo por esta despedida
E sim não existir real lugar em sua vida

No silêncio que chegar e nenhum som à ouvir
Nas palavras não proferidas e nada mais à sentir
Constatada será a ausência abrindo um novo lugar
À quem esperada, finalmente Você há de amar

A diferença que fiz em sua vida
foi não ter feito diferença...