Siga o Blog, nas redes sociais

quinta-feira, 4 de abril de 2013

the view from the shard

Aberto ao público em 2013, a história do The Shard, que traduzindo significa caco, o prédio mais alto da Europa Ocidental, começou no ano 2000, quando o arquiteto italiano Renzo Piano, foi chamado a Berlin para a primeira reunião sobre o projeto. Depois de atravessar as turbulências da crise financeira de 2008, quando a ideia quase foi abortada, um consórcio de grupos financeiros do Catar garantiu os recursos necessários e, em 2009, as obras começaram. Onde antes havia um prédio com 24 andares, surgiu outro com 310 metros de altura. Mas além de ser um complexo que abriga um hotel 5 entrelas, escritórios e residências, o The Shard tornou-se também uma grande atração turística. Não apenas pelo que o seu design, em forma de uma pirâmide com 11 mil placas de vidro, daí a origem do nome que sugere um caco de vidro em forma de pirâmide, mas porque ele tem uma parte aberta ao público. Com exceção do dia 25 de dezembro, natal, ele está aberto todos os dias das 9 da manhã às 22h. A visita, paga, é claro, é recompensada com a mais deslumbrante vista que você pode ter de Londres. Além de praticamente todos os pontos turísticos, e de interesse, da cidade, em dias claros, a vista alcança cerca de 60Km. Numa manhã, aberto especialmente para o Canal Londres, o nosso editor Silvino Ferreira Jr., foi até o topo do The Shard e o resultado é o vídeo que você tem aí ao lado: imagens de uma perspectiva privilegiada de pontos como a Tower Bridge, London Eye, o Estádio Olímpico, o Rio Tâmisa, entre outros, além de informações que vão deixar você por dentro da história que está por trás dessa construção belíssima que tornou-se uma das grandes referências da paisagem londrina. Pronto para ser levado às alturas? Então, pegue o elevador e vá com Silvino ao topo da Europa.