Siga o Blog, nas redes sociais

sábado, 24 de agosto de 2013

No dia 24 de agosto de 1954 o Brasil ficou chocado com o suicídio do então presidente Getúlio Vargas.

Getúlio Vargas



No dia 24 de agosto de 1954 o Brasil ficou chocado com o suícidio do então presidente Getúlio Vargas. Ele morreu em seu quarto, após disparar um tiro no próprio coração, no Palácio do Catete, no Rio de Janeiro. Nascido no dia 19 de abril de 1882, em São Borja (RS), ele foi presidente do Brasil em duas ocasiões, líder da Revolução de 1930, que pôs fim à República Velha. Getúlio ficou conhecido pelos seus simpatizantes como "o pai dos pobres" por ter criado muitas leis sociais e trabalhistas.

Considerado um dos políticos mais controversos da história do Brasil, Getúlio foi presidente do país em dois períodos. No primeiro, ficou 15 anos no poder, de 1930 a 1945. Este governo foi dividido em três fases: de 1930 a 1934, como chefe do "Governo Provisório"; entre 1934 e 1937 foi presidente da república do Governo Constitucional, eleito presidente pela Assembleia Nacional Constituinte de 1934; e de 1937 a 1945, enquanto durou o Estado Novo, após um golpe de estado. Em seu segundo mandato, Getúlio foi eleito por voto direto e governou o Brasil por três anos e meio até o dia de sua morte.


Danilo Rocha - Fatos Desconhecidos