Siga o Blog, nas redes sociais

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

57 Anos da Morte de Bertold Brecht




Nascido em 1898, em Augsburg, na Alemanha, Brecht estudou medicina, filosofia e foi enfermeiro em um hospital militar alemão durante a Primeira Guerra Mundial. No entanto, foi na literatura que o jovem Brecht se encontrou.

Sua primeira peça, “Baal” (1918), foi apenas o estopim para muitas que estavam por vir.

Brecht era admirador de escritores ingleses e da filosofia oriental.
Suas peças geralmente refletem o pensamento marxista sobre a sociedade e não se esforçam em prender emocionalmente o público. Porém, tentam despertar o senso de ser social em cada espectador – o chamado Teatro Épico.

Não faziam do teatro um “faz de conta”. Ele deixava claro que palco era palco, ator era ator e espectador era espectador. Isso de certo modo fez das peças de Brecht algo não agradável para todos os olhos.

Durante a Segunda Guerra, Brecht saiu da Alemanha, morando na Suécia, União Soviética, Dinamarca e Estados Unidos – sempre produzindo poemas, peças, óperas e filmes.

Em 1947, enquanto trabalhava em Hollywood, foi acusado pelo Comitê de Atividades Anti-Americanas de usar seus textos para influenciar politicamente as pessoas. Ele negou as acusações e logo após ser inocentado das mesmas, voltou à Alemanha.

Em 1949, Brecht e sua mulher, a atriz Helene Weigel, fundaram o que viria a ser o grupo de teatro mais famoso do país – o Berliner Ensemble.

Brecht faleceu dia 14 de agosto de 1956, vítima de um ataque cardíaco, em Berlim.

Sua obra, um conjunto de mais de 50 peças, além de seus roteiros e poemas, é um legado para o mundo do teatro.
Brecht teve a ousadia de ir na contramão de um tempo. Trouxe o teatro para a realidade em que vivemos, dando uma nova cara para a linguagem teatral e abordando os problemas que enfrentamos.
Um eterno poeta instigante e inconformado.


"Temam menos a morte e mais a vida insuficiente"
___________________________Bertold Brecht

Gio Zaneratto
Administração Imagens Históricas

Foto: Konrad Reßler

Fonte:

- "Bertold Brecht’s Biography". Poetry Foundation. Disponível em <<http://www.poetryfoundation.org/bio/bertolt-brecht>>. Acessado em: 14 ago. 2013.