Siga o Blog, nas redes sociais

sábado, 20 de outubro de 2012

Vida

Queria poder congelar minha vida e só voltar a viver quando tudo estivesse melhor que agora.
Não viver os momentos difíceis da vida é covardia, eu sei, mas não sei nem o que dizer, pensar, ou falar. Meu coração está confuso, esta cansado de tudo que acontece.
Muitas vezes nos rebaixamos a atitudes que um dia vamos parar e pensar "Como fui capaz disso?".
É tão difícil mudar quando sabemos que precisamos mudar...
Ninguém consegue viver sozinho. O amor motiva a vida de todos, mas ao mesmo tempo desanima. O amor nasce, mas também morre. Afinal, o que é o amor? O amor briga? O amor chora? O amor sempre vence no final?
Se não arriscarmos, nunca saberemos. Mas até onde devemos arriscar?
Eu te amo, sim eu te amo. Amo muito mais do que você imagina. Ao contrário de você que não sabe o significado da palavra amor, do ato amar.
Por favor me ame com todas as suas forças,t odo o dia, toda a hora. Supere-se! Não esconda o sentimento mais puro que Deus lhe deu.
Compartilhe com quem está ao seu lado agora, porque o "agora" nunca mais voltará. Não de chance para o destino te surpreender amanhã.
É tão difícil imaginar você amando, será que é capaz?
Você consegue sentar em um banco a beira mar e falar sobre a vida? Você consegue deitar em sentir a música tocar seu coração? Você consegue chorar quando pensa ou sente falta de quem ama?
Esqueça o mundo, esqueça os outros, esqueça a classe, esqueça a formalidade. Pense só em amar que você ama.
Não espere uma atitude para retribuir o que recebeu. A vida é curta demais para ficar calculando atos e palavras que, no final, ao invés de acolher acabam afastando.
Se estou aqui ainda, é porque te amo e acredito que podemos ser felizes juntos. Alguém já fez isso por você?
Meu coração está ferido demais para suportar mais desprezos, mas a esperança continua viva no meu coração. Eu não desisto de você, eu não desisto de sonhar.
Eu te amo e nunca vou esquecer do homem que você foi em minha vida.
Sua eterna.

Thaís R. Heidemann