Siga o Blog, nas redes sociais

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Procura-se um Amor



Procuro um amor,

Há muitos anos estava tranquilo,

Mas vejo que hoje preciso de uma amor,

Vejo muitos casais e hoje me sinto só.


Apesar de escrever poesias,

Não consigo escrever nada romântico,

Apesar dos meus poemas serem muito Românticos.


Eu não tenho uma musa inspiradoras,

Só lembranças de uma garota que me apaixonei em 2011.


Mesmo sendo Poeta da Madrugada,

É complicado sonhar, sem amor.


Sou Poeta é normal,

Escrever na alegria ou na tristeza,

Mas preciso de uma inspiração,

Alguma coisa que me faça refletir, sonhar.


Enquanto isso ficarei,

Andando por ai em procura de um amor,

Não se engana por acaso eu olhar para você,

Pois meu olhar não demostra nada que sinto,

Só serve para ver quem esta perto de mim mesmo.


Preciso encontrar uma pessoa que me completa,

Que faça amadurecer este lado do meu peito,

Mas enquanto isso, ficarei por ai,

Em buscar da minha Estrela perdida.


Escrito por Alex Lopes Ozorio, O Poeta da Madrugada